ISABELA SOUSA É BICAMPEÃ DO IBA GOPRO PIPELINE CHALLENGE 2013



A cearense Isabela Sousa repetiu o feito de 2012 e, na madrugada deste sábado (02), venceu o IBA GoPro Pipeline Challenge 2013, primeira etapa do Circuito Mundial de Bodyboard, que aconteceu em Pipeline, Havaí. Com ondas de oito a dez pés (2,5 a 3,0 metros) a bicampeã mundial (2010 e 2012) inicia a corrida pelo tricampeonato na liderança do Tour, com 2000 pontos somados. A brasileira Karla Costa ficou com a 3ª posição, enquanto Minami Hatekayama ficou em segundo, seguida da sua compatriota Sari Ohara (4º).


“Estou muito feliz com a minha vitória. Tinha um pouco de vento durante a bateria, mas deu pra achar ótimas ondas. Ganhar em Pipe de novo é inacreditável. A final foi muito difícil e estou muito contente com mais essa conquista”, disse Isabela em entrevista oficial logo após ser carregada nos ombros da multidão.



Na decisão, Isabela dominou as disputas desde o início. Logo em sua primeira onda, a atleta de Icaraí achou uma esquerda e cravou 7,38 pontos para assumir a ponta. Porém, foi no meio da bateria que a brasileira consolidou sua liderança para não ser mais alcançada. Em um dos melhores momentos do dia, Isabela achou uma ótima esquerda e conseguiu tirar um lindo tudo, cravando 8,50 pontos – melhor nota da bateria – totalizando 15,83 pontos em 20 possíveis.



As adversárias de Isabela bem que tentaram tirar a diferença, mas as ondas não apareceram com a mesma intensidade e o título ficou com a cearense. Com 10,43 pontos, Minami Hatekayama (JAP) levou 1720 pontos no ranking mundial, enquanto Karla Costa abre a temporada com 1460 e Sari Ohara 1340.



Ben Player vence entre os homens e Guilherme Tâmega é quinto:
Na disputa entre os homens muita emoção no último dia de competições. Os tops estrearam na competição e os brasileiros não tiveram tanta sorte. No início do dia as condições não estavam tão boas e os atletas brasileiros acabaram eliminados por uma diferença pequena de pontos com relação aos adversários.

Magno Passos foi o primeiro a cair na água, ficando em 3º em sua bateria. Na disputa seguinte, Guilherme Tâmega passou de fase, enquanto o baiano Uri Valadão encerrou a disputa também na terceira posição. O mesmo aconteceu à Eder Luciano (3º) na quarta disputa do dia e a Lucas Nogueira (4º).



Nas quartas de final, Guilherme conseguiu uma virada espetacular nos últimos segundos e garantiu sua vaga semi. Na semi, o brasileiro hexacampeão mundial não teve a mesma sorte e acabou de fora da final por menos de 1 ponto.



Na grande decisão, o então bicampeão da prova – Jeff Hubbard – caminhava para o tricampeonato da etapa diante do australiano Ben Player, do francês Pierre Louis Costes e de seu irmão Dave Hubbard. Com duas ondas na casa dos 7,00 pontos o havaiano liderava a disputa até os dois minutos finais. Em uma das últimas ondas da competição, Ben Player achou um lindo tubo, seguido de um invertido, que lhe rendeu 7,38 pontos e o título da competição. Jeff ficou em segundo, Pierre em terceiro e Dave em quarto.



Sacha Specker repete o feito de 2012 e levanta taça no Drop Knee.
Na categoria Drop Knee a história de 2012 repetiu-se e o atual campeão mundial Sacha Specker (AFS0 levantou mais uma vez o troféu em Pipeline. Na decisão, o sul-africano barrou Dave Hubbard (HAV), 2º, Dave Winchester (AUS), 3º, e  Cesar Bauer (PER), 4º.

King of Pipe:
Além das baterias decisivas do IBA GoPro Pipeline Challenge 2013, a direção de prova da primeira etapa do Circuito Mundial de Bodyboard promoveu uma bateria histórica envolvendo atletas de todos os tipos de esportes de ondas. Representando o Stand Up Paddle, Kainoa McGee, foi eleito o grande vencedor em uma bateria onde todos puderam ver um show de manobras e tubos por parte dos atletas.



Jamie Obrien e Bruce Irons, representando o surf, deram show de tubos e aéreos para o delírio do público. Entre os bodyboarders, Mike Stewart e Jeff Hubbard voaram alto e, com todo seu estilo, Mike mostrou que é um exímio tube-rider na principal bancada do planeta. Mark Cuninngham colocou apenas uma par de pés-de-pato e surfou de peito, enquanto Kala Alexander completou o show de Sant Up Paddle.



A próxima etapa do Circuito Mundial de Bodyboard será em New South Wales, Austrália, entre os dias 18 e 28 de abril. Já pelo Circuito Feminino, as melhores atletas do mundo desembarcam em Antofagasta, Chile, entre os dias 28 de maio e 02 de junho.

Mais informações: www.ibaworldtour.com

Confira os resultados do último dia do IBA GoPro Pipeline Challenge 2013:



Enviado pro : Danilo Caboclo – Assessoria de Imprensa IBA South America
danilo@gruposix.com.br
www.facebook.com/sixcomm
11 97667-9636 ou 48 3364-1294

Fotos: IBA/Specker e IBA/Trouville

Isabela Sousa

Related

JeffHubbard 4846256265171260684

Postar um comentário

emo-but-icon

SIGA-NOS

+ VISTA

INSTAGRAM


WORLD-TOUR


PRA VOCÊ

Olá comunidade do bodyboarding, estamos de cara nova, curta nosso site e acompanhem todas as noticias do esporte!

item