TRÊS BRASILEIRAS GARANTIDAS NAS SEMIFINAIS NO MUNDIAL DA AUSTRÁLIA.

Isabela Sousa (CE), Maylla Venturin (ES) e Karla Costa (RJ) brigam por uma vaga na grande decisão neste domingo. O penúltimo dia de compet...


Isabela Sousa (CE), Maylla Venturin (ES) e Karla Costa (RJ) brigam por uma vaga na grande decisão neste domingo.

O penúltimo dia de competições em Port McQuaire, na Austrália, sede da segunda etapa Grand Slam do Circuito Mundial Feminino de Bodyboard, foi muito bom para as brasileiras. Mais uma vez com o mar apresentando ondas sólidas de 3-4 pés (1,0 a 1,5 metros), a direção de prova colocou na água duas baterias da categoria feminina e as atletas do Brasil Isabela Sousa (CE), Karla Costa (RJ) e Maylla Venturin (ES) garantiram nas semifinais.

Karla Costa e Maylla precisaram cair na água duas vezes nesse sábado, madrugada no Brasil. As duas se enfrentaram na terceira bateria do Round 4 e deixaram para trás Ana Cecile Lacoste (REUN). Com a classificação garantida, o Brasil contou com quatro competidoras nas quartas de final.

A primeira a cair na água foi a pentacampeã mundial Neymara Carvalho. Após uma primeira apresentação brilhante, a atleta do Espírito Santo não teve sorte e as ondas não apareceram para ela em sua bateria. Melhor para Natasha Sagardia (PRC) e Eunate Aguirre (BAS), que avançaram para as semis.

Logo em seguida foi a vez da máquina de competições Isabela Sousa ir para água. Como sempre, a atleta de Icaraí manteve a frieza e mostrou tudo o que sabe para garantir mais um primeiro lugar, dessa vez diante da japoensa Miya Inoue (2ª) e da venezuelana Lumar Guittard (3ª).

Na bateria mais acirrada da quinta fase, Karla Costa teve muito trabalho, mas mostrou o motivo pelo qual já foi coroada campeã mundial. Em um duelo bastante equilibrado, Karlinha acabou na segunda posição, atrás apenas da japonesa Ayaka Susuki. Em terceiro, eliminada da competição, ficou a local Lilly Pollard.

Fechando as disputas do dia, Maylla teve uma pedreira pela frente. A capixaba encarou uma dupla de japonesas e precisou mostrar tudo o que sabia para ficar com a vaga. Também com a segunda posição, a brasileira se garantiu nas semis, formando o trio brasileiro que lutará para chegar a final do Grand Slam. Na primeira posição ficou Mayumi Tone e em último Akiko Sato.

Maguinho cai diante de autraliano:
Como já vinha acontecendo nos útlimos dias, além das baterias femininas, os homens também foram para dentro d´água nessa madrugada de sábado. O capixaba Magno Oliveira não teve a mesma sorte dos dias anteriores e caiu diante do australiano Sam Bennett.

Os outros sete classificados para as quartas de final, que serão disputados no formato homem a homem são: Lewy Finnegan (AUS), Charlie Holt (AUS), Pierre Louis Costes (FRA), Jeff Hubbard (HAW), Andrew Lester (AUS), Ryan Hardy (AUS) e Sacha Specker (AFS).

A chamada final do evento em Port Mcquaire acontece nesse sábado, às 20:00 – horário brasileiro.

Para mais informações acesse o site: www.ibaworldtour.com

Baterias do último dia de competições em Port Mcquaire.
Grand Slam – WWT – Semifinal:
S1: Natasha Sagardia (PRC) x Eunate Aguirre (BAS) x Isabela Sousa (BRA) x Miya Inoue (JAP)
S2: Karla Costa (BRA) x Ayaka Susuki (JAP) x Maylla Venturin (BRA) x Mayumi Tone (JAP)

GQS – Masculino – Quartas:
Q1: Sam Bennett (AUS) x Lewy Finnegan (AUS)
Q2: Charlie Holt (AUS) x Pierre Louis Costes (FRA)
Q3: Jeff Hubbard (HAW) x Andrew Lester (AUS)
Q4: Ryan Hardy (AUS) x Sacha Specker (AFS)

Por: Danilo Caboclo – Assessoria de Imprensa IBA South America –danilo@gruposix.com.br– 11 7667-9636/48 9935-2019/ 48 3364-1294

Foto: IBA/Specker
1 – Maylla achou boas ondas e está na semi

Related

Neymaracarvalho 84481542598727612

Postar um comentário

emo-but-icon

SIGA-NOS

+ VISTA

INSTAGRAM


WORLD-TOUR


PRA VOCÊ

Olá comunidade do bodyboarding, estamos de cara nova, curta nosso site e acompanhem todas as noticias do esporte!

item